Integrada na iniciativa europeia “Bom Dia Cerâmica”, a exposição “Histórias de Olaria” foi inaugurada no Centro Cultural de Poiares, pelo presidente da Câmara Municipal, João Miguel Henriques e pela vereadora Lara Henriques de Oliveira, com a presença das crianças do jardim de infância CBEISA.
Este foi o ‘pontapé de saída’ de uma iniciativa que se prolonga até dia 21 de maio, e onde as crianças dos jardins-de-infância e ensino pré-escolar poderão conhecer um pouco mais da história desta arte tradicional de grande referência no concelho.
«É extremamente importante que as crianças possam conhecer melhor este património cerâmico, intimamente ligado à sua marca forte “Chanfana”, confecionada precisamente nestes tradicionais caçoilos de barro preto», referiu o Presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Poiares, João Miguel Henriques.
«Esta é apenas uma das muitas iniciativas estratégicas para preservar e promover a tradição e a inovação em cerâmica, área em que o país tem um potencial imenso, uma vez que é, neste momento, o principal produtor na Europa e um dos principais exportadores para todo o mundo», afirmou, lembrando «a própria história de produção de barro preto em Poiares que, inclusivamente se encontra em processo de certificação, e que será um importante passo para a preservação deste património».

Iniciativa originalmente criada em Itália, o Bom Dia Cerâmica foi alargado em 2017 a inúmeros países europeus, incluindo Portugal, sendo hoje no nosso país uma iniciativa da recém-criada Associação Portuguesa de Cidades e Vilas de Cerâmica (AptCC) constituída no passado mês de Abril em Mafra, e da qual Vila Nova de Poiares é um dos municípios fundadores.
O objetivo da associação é promover a defesa e valorização do património cultural e histórico cerâmico e facilitar o intercâmbio entre cidades europeias com tradição cerâmica, para além de incentivar a criação artística da cerâmica.