Para Tiago Monteiro, (quase…) ponto final no calvário que começou em setembro do ano passado, com acidente durante testes para a 2.ª metade do Mundial de Turismos (WTCC), campeonato que liderava… Despiste muito violento no Circuito de Barcelona obrigou-o a período longo de recuperação, mas a persistência será recompensada no fim de semana de 27 e 28 de outubro, em Suzuka, no Japão, com o regresso à ação na penúltima etapa da Taça do Mundo de Turismos (WTCR), ao comando de Civic Type-R da Boutsen Ginion Racing!

A recuperação de Monteiro não terminou e a participação na prova nipónica, na casa da Honda, marca que representa desde 2012, faz parte do processo de reabilitação – obviamente, o regresso foi possível apenas após o «ok» médico. O objetivo imediato é coloca-lo em forma para a 2.ª temporada do WTCR, em 2019. No entanto, Tiago ficará de fora da ronda final do campeonato, no Circuito da Guia, em Macau, devido ao risco excecional de colisões nas corridas.

«Não tenho palavras para descrever o que sinto. Nunca perdi a esperança, nem nos momentos mais difíceis e dolorosos do processo de recuperação. O foco foi sempre regressar à competição, o que sucederá de forma progressiva e prudente. No Japão, pretendo divertir-me, sentir-me confortável, participar sem objetivos desportivos», disse Tiago Monteiro.