O Sporting sagrou-se, esta terça-feira, campeão nacional de voleibol (24 anos depois da última conquista), após bater o Benfica, por 3-2, no pavilhão João Rocha.
Os leões, a cumprirem a sua primeira na temporada na divisão principal após longo interregno (22 anos), venceram o primeiro parcial, por 25-19, mas cederam os dois seguintes para o Benfica, por 19-25 e 25-22. Contudo, a equipa de Hugo Silva operou a reviravolta e acabou por levar de vencida no quarto `set` por 25-16 e, finalmente, a negra, por 16-14.

No final da partida, em declarações à Sporting TV, Miguel Maia, 47 anos, capitão de equipa do Sporting, falou em «emoção» e «orgulho», fazendo uma revelação sobre Bruno de Carvalho, entre elogios (os dois abraçaram-se assim que os leões conquistaram o ponto decisivo).
«O presidente e o Rui Caeiro [vice-presidente para as modalidades e administrador da SAD] foram pessoas inexcedíveis, que acreditaram no projeto, lutaram até ao fim e estiveram sempre connosco. Ontem, o presidente falou mais de uma hora com todo o plantel. Ao contrário do que pensam as pessoas, ele é um valente, tem um coração enorme, ama o Sporting e deu-nos muita força interior para chegarmos aqui», reação do capitão dos leões.