Ricardo Rio, presidente da Câmara de Braga, revelou que o SC Braga não quer concretizar algumas cláusulas de contrapartidas referentes à 2.ª fase das obras da Academia. Em causa estará uma empreitada inacabada e em ruínas, localizada na zona contígua ao novíssimo complexo desportivo dos minhotos, que o clube propôs converter num pavilhão multiusos para as modalidades.
Haverá uma reunião entre as partes, agendada para esta quarta-feira, mas há uma visível indignação por parte do clube pelo facto de a autarquia estar a impor contrapartidas de última hora consideradas inaceitáveis quanto ao usufruto do espaço e que a posição do executivo municipal lesa o SC Braga e os seus associados.