O número de vítimas do terramoto registado no domingo na fronteira entre o Irão e o Iraque subiu para 344 mortos e vários milhares de feridos, informaram as autoridades locais.
O maior número de mortos concentra-se no Irão, onde o balanço provisório tem vindo a aumentar com o passar das horas, elevando-se a 336 mortos e mais de 3.950 feridos ao final da manhã, todos na província ocidental de Kermanshah.
No vizinho Iraque, o número oficial de vítimas é de oito mortos e 321 feridos.
Segundo o Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS, na sigla em inglês), o sismo foi registado às 18:18 de Lisboa na fronteira entre o Iraque e o Irão.