A um pequeno passo de devolver o seu clube do coração aos títulos, Sérgio Conceição é a figura do momento, começando já a projetar-se o seu futuro após o final do campeonato. O treinador está completamente focado na conquista dos três pontos diante do Feirense, mas em Itália, França e até em Inglaterra já há clubes atentos e interessados no concurso do homem que devolveu a esperança ao universo azul e branco e que precisa de apenas um empate para quebrar a hegemonia do Benfica na Liga, impedindo assim um inédito penta do rival da Luz.
Depois de ter prescindido de muito dinheiro para regressar a Portugal, Sérgio Conceição aceitou o enorme repto lançado por Pinto da Costa para vencer o campeonato. Poucos acreditaram que o técnico estivesse nesta altura tão perto do título, mas revelou enorme competência e, mais do que tudo, sobrevalorizou jogadores que estavam emprestados e acabaram por ser determinantes na boa época dos dragões, nomeadamente Aboubakar, Marega, Sérgio Oliveira e Ricardo.

Os adeptos do FC Porto estão gratos a Sérgio Conceição, que tem clubes atentos à sua carreira em Itália, França e também em Inglaterra, daí que seja natural que o assédio ao timoneiro dos azuis e brancos surja com naturalidade.
O acordo com Pinto da Costa foi selado por duas épocas, pelo que Sérgio Conceição tem mais um ano para cumprir, faltando saber apenas se possui cláusula de rescisão, uma prerrogativa que por norma o presidente do FC Porto impõe aos treinadores que assinam por mais do que uma época.