Jorge Jesus não fica indiferente à decisão de Cristiano Ronaldo de colocar um ponto final no percurso de nove anos ao serviço do Real Madrid para abraçar novo desafio na carreira com as cores da Juventus.

«Ronaldo quer desafios, é um jogador que vive constantemente em desafios, individuais e coletivos. Achou que o Real Madrid já não o desafiava para os objetivos que se calhar quer atingir. A Juventus também é uma grande equipa a nível mundial. O melhor golo da vida dele foi em Turim [na Liga dos Campeões]. Se calhar foi marcante para os adeptos», comentou o treinador português, à margem do estágio do Al-Hilal em Lienz, na Áustria.

«Mas Madrid é Madrid, Juve é Juve. Para mim, é uma diferença muito grande», ressalvou.

«É um risco», avaliou Jorge Jesus, justificando: «Ele vai dar protagonismo à equipa, à cidade, ao futebol italiano, mas o Real Madrid é diferente. Se não é a melhor equipa do mundo, é a segunda. Tem mais nome, mais passado e mais história.»

«Ronaldo quis tomar outra opção. Dou-lhe os parabéns porque é preciso ter muita coragem para sair do Real Madrid e ir para a Juventus. Ele acredita que vai dar maior capacidade internacional à Juventus. Espero que tenha muita sorte porque é um vencedor», concluiu.