A empresa Camacho & Nunes, especializada em recuperação de crédito e que em março tinha interposto uma ação contra o Sporting, desistiu do pedido de declaração de insolvência da SAD dos leões e considerou-se quitada da quantia peticionada. Consequentemente, também a Sporting SAD, aceitando a desistência, desistiu do pedido de litigância de má fé e de responsabilidade civil por pedido infundado.

«Não houve qualquer acordo – nem irá ocorrer qualquer pagamento, até porque a requerente considerou que já estava tudo pago – mas antes desistência por parte da requerente. Perante isto, não se chegou, portanto, a apreciar sequer a alegada insolvência da Sporting SAD», explicou fonte do Sporting a A BOLA.

Recorde-se que a empresa Camacho & Nunes reclamava uma alegada dívida por prestação de serviços de bilhética, entre 2011 e 2012, com um valor a rondar os 500 mil euros. O Sporting negou qualquer dívida e manifestou intenção de apresentar queixa-crime e queixa na Ordem dos Advogados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here