A Polícia Judiciária deteve, este sábado, um homem, de 30 anos, pela presumível prática de um crime de abuso sexual de crianças, de que foi vítima uma menina com 13 anos, em Montemor-o-Velho, Coimbra.
A PJ revelou que o agressor é padrasto da vítima e que foi a própria menina que se queixou à mãe dos abusos sexuais, que terão ocorrido na semana passada.
Mal soube da violação, a mulher apresentou queixa às autoridades competentes.
O suspeito, que é pedreiro, foi presente a primeiro interrogatório judicial esta segunda-feira, tendo-lhe sido aplicadas as medidas de coação de apresentações periódicas junto das autoridades e proibição de contactos com a vítima.