A ligação de D. Sesnando, conhecido como o 1.º Governador de Coimbra, a Miranda do Corvo é o tema escolhido para a quarta edição da Feira Medieval, que vai decorrer no próximo fim de semana, na Praça José Falcão.
A zona central da vila será invadida por várias recriações, como o restauro do Mosteiro de Miranda do Corvo, diversas demonstrações, desde a esgrima a danças medievais e espetáculos de cetraria e mostra de armas, entre outras artes performativas.
A feira tem início às 15 horas de sábado, altura em que decorre a abertura do mercado e feito o anúncio da chegada de Dom Sesnando. No primeiro dia da recriação histórica, está previsto um cortejo do convidado especial pelo recinto e a realização de uma festa para apresentar a sua filha recém-nascida, de nome Elvira Sesnandes. Para acabar o dia, é apresentado o “Teatro de fogo: Uma taverna virada do avesso”.
No domingo, a Feira Medieval de Miranda do Corvo abre ao público às 11 da manhã, com o programa do dia a ser preenchido por arruadas e demonstrações. O ponto alto irá ocorrer às 15 horas, altura em que será feita a narrativa de como o Conde governou a região de Coimbra durante cerca de 30 anos. Às 17h30, a organização vai proceder a um “Preito de Menagem ao Mendigo Basílio”, do ator Joaquim Vieira Basílio, falecido a 21 de setembro de 2017. Durante os dois dias, está garantida animação itinerante, artesanato ao vivo, comércio e tasquinhas por todo o recinto da feira.