Mais de 70 concelhos de 13 distritos de Portugal continental, entre os quais Leiria, Castelo Branco, Coimbra, Guarda, Viseu e Aveiro, apresentam hoje risco ‘máximo’ de incêndio, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera.
Em Coimbra, estão em risco máximo os concelhos de Arganil, Góis, Lousã, Miranda do Corvo, Pampilhosa da Serra, Penacova, Penela e VN Poiares. Em risco muito elevado estão Tábua, Soure, Oliveira do Hospital, Condeixa-a-Nova e Coimbra. Os restantes apresentam risco moderado.
Em relação ao estado do tempo para hoje, o Instituto prevê para as regiões Norte e Centro céu geralmente pouco nublado, apresentando períodos de maior nebulosidade na faixa costeira a sul do Cabo Mondego, vento fraco, soprando por vezes moderado nas terras altas e subida de temperatura, em especial no litoral. Na região Sul prevê-se céu geralmente pouco nublado, apresentando períodos de maior nebulosidade na faixa costeira ocidental e no barlavento algarvio e durante a tarde, possibilidade de aumento temporário de nebulosidade no interior com ocorrência de aguaceiros e trovoada.
A previsão aponta ainda para vento em geral fraco, soprando por vezes moderado nas terras altas, pequena subida da temperatura mínima e descida da temperatura máxima no litoral oeste.