O Governo Regional da Madeira voltou a adiar por mais 40 dias o prazo para apresentação de propostas para o ferry. Este dilatar do prazo deve-se a um pedido de uma das empresas interessadas nesta ligação devido a questões burocráticas e operacionais.
O concurso para a ligação via ferry, entre o Continente e a Madeira, voltou a sofrer mais um adiamento. Desta vez o motivo prendeu-se com questões burocráticas e operacionais levantado por uma das empresas interessadas nesta operação marítima.
De recordar que este processo que tem por objetivo estabelecer uma ligação marítima entre o Continente e a Madeira já teve alguns volte-faces.