O Manchester United ativou o «plano de regresso» de Cristiano Ronaldo, conforme noticia o canal televisivo espanhol `La Sexta`. E garante que José Mourinho já deu o seu aval.

O treinador português trabalhou com CR7 no Real Madrid, entre 2010 e 2013, tendo na altura havido várias notícias sobre desentendimentos entre ambos, mas, segundo é referido pelo La Sexta, tudo há muito que foi ultrapassado. Mourinho esteve, inclusivamente, como convidado na estreia do documentário de Ronaldo em Londres.

Com a ‘permissão’ de José Mourinho, os responsáveis do Manchester United têm já também um estudo de viabilidade da operação em termos financeiros, prevendo gastar um total de 400 milhões de euros, sendo metade dessa verba para o Real Madrid. O valor estará a ser visto com bons olhos, face ao impacto mediático e receita em termos de marketing, para além do aspeto desportivo.

Oito anos depois de ter sido transferido para o Real por 94 milhões, o internacional português poderá, assim, estar de regresso a Old Trafford.