«Só a partir de segunda-feira o Benfica começará a procurar novo treinador para o Benfica e esse tema será da exclusiva competência do presidente Luís Filipe Vieira». Foi desta forma que o Benfica, pela voz do diretor de comunicação Luís Bernardo, ontem reagiu aos diversos nomes que de imediato começaram a ser divulgados pelos diversos meios de comunicação como estando em contactos, ou nos planos da SAD para o futuro.

Há muito que Jorge Jesus está entre os mais referenciados como podendo regressar à Luz e o treinador agora no Al-Hilal até já fez questão de dizer, em entrevista a A BOLA, que «o bom filho a casa torna». Ainda assim o processo para o tirar da Arábia Saudita não é fácil, tendo em conta o valor dos impostos que Jesus teria de pagar ao fisco português para voltar ao nosso País.

Paulo Fonseca foi outro dos nomes ontem também avançados e que teria recusado a oferta. «Ninguém recusou porque ninguém foi convidado», esclareceu Luís Bernardo. Mas a sucessão de Rui Vitória está, naturalmente, a ser planeada. Há vários nomes em cima da mesa, Vieira quer encontrar o perfil ideal tendo em conta o projeto encarnado que continua a defender: formar equipa competitiva mantendo a aposta nos jovens formados no Seixal.

Um dos nomes na agenda de Vieira é Luís Castro, treinador do V. Guimarães, que recentemente rejeitou proposta do Reading. Os vimaranenses não querem deixar sair o treinador de 57 anos, mas este tem cláusula de rescisão de um milhão de euros…

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here