O número de mortos por legionella no surto do Hospital São Francisco Xavier, em Lisboa, subiu para três, anunciou a Direcção-geral da Saúde (DGS), revelando também que o número de infectados aumentou para 43 casos.

A mais recente vítima mortal foi uma mulher, 68 anos, que estava internada no São Francisco Xavier.

Na conferência de impremsa desta sexta-feira de manhã, Graça Freitas mostrou-se optimista quanto ao evoluir da situação.”O surto poderá ser dado como controlado dentro de poucos dias”, disse.
Desde 31 de Outubro, o surto de legionella detectado no Hospital São Francisco Xavier, em Lisboa, já provocou três mortos. O Ministério Público já abriu uma investigação.
Na terça-feira, as autoridades de saúde indicaram que o surto de legionella tinham entrado em fase descendente, mas o número de casos continua a subir.