Raúl Jiménez, ponta de lança mexicano do Benfica que passa por momento difícil no seu país, na sequência de uma noitada de vários jogadores da seleção que envolveu acompanhantes de luxo, concedeu uma entrevista à ESPN na qual, descontraidamente, foi abordando assuntos mais leves como a possibilidade de um dia jogar na equipa rival do Benfica, o FC Porto dos compatriotas Herrera e Corona.

«Pode acontecer muita coisa no futebol, mas não penso jogar lá, até porque gosto das equipas que represento. Sendo rival, nem pensar». esclarece.

O avançado renova ainda votos de «ser titular» e afirmar-se na Europa.