Duas semanas após ter sido anunciado como reforço do Portimonense, Jackson Martínez foi esta quarta-feira apresentado oficialmente pelo clube algarvio.
«Agradeço ao presidente e ao clube por esta oportunidade. Espero que possamos ser felizes, mas não serei eu a fazer a diferença, o grupo será sempre o mais importante. Quero dar o meu melhor e poder ajudar o Portimonense», disse o avançado colombiano, de regresso ao futebol português depois de ter sido o melhor marcador do Campeonato nos três anos consecutivos em que representou o FC Porto (de 2012 a 2015).
Jackson, que em outubro completará 32 anos, vem de longa paragem devido a lesão e disse que o primeiro objetivo será «voltar a jogar». «Preciso de sentir-me novamente jogador de futebol. Depois veremos o que acontecerá», referiu, sem querer também estabelecer prazos para ser visto no relvado com a camisola alvinegra: «O treinador verá como me encontro e tomará a decisão. Da minha parte, estarei disponível a jogar o mais rapidamente possível.»