Número de mortos sobe para 41

Os incêndios florestais que deflagraram no domingo em várias zonas do país fizeram 41 mortos, disse hoje à Lusa a adjunta nacional de operações Patrícia Gaspar.

Presidente da República fala ao país às 20h30

O Presidente da República, que está a caminho de Oliveira do Hospital, fará uma declaração ao país às 20h30, sobre os incêndios que deflagraram no domingo e mataram, pelo menos, 41 pessoas.

Três mil ovelhas mortas em Oliveira do Hospital

Pelo menos 3.000 ovelhas e algumas cabras morreram na zona de Oliveira do Hospital, devido ao fogo, o que compromete o futuro do queijo Serra da Estrela, avançou hoje o autarca José Carlos Alexandrino afirmando que “a maior parte” dos pequenos ruminantes que pereceram no incêndio de domingo “são ovinos da raça bordaleira” e de outras variedades autóctones cujo leite determina a pureza do queijo regional com Denominação de Origem Protegida (DOP).
“Está em causa o queijo Serra da Estrela”, lamentou o autarca, reeleito nas autárquicas de 1 de Outubro para um terceiro e último mandato.

Festival CineEco prossegue em Seia, mas sem festa

A edição de 2017 do CineEco – Festival Internacional de Cinema Ambiental da Serra da Estrela, que esteve suspensa ontem devido aos incêndios, foi hoje retomada em Seia, mas “sem festa”, anunciou a direção.
O festival começou no sábado e foi suspenso na segunda-feira “devido à situação dos incêndios, porque Seia está com as escolas fechadas, o ar é irrespirável, os pavilhões das escolas estão cheios de gente que foi retirada das suas casas e não estão reunidas as condições para a realização do festival”, justificou o diretor Mário Jorge Branquinho

Federações de Andebol e Voleibol decretam minuto de silêncio

A Federação de Andebol de Portugal (FAP) e a Federação Portuguesa de Voleibol (FPV) decretaram hoje um minuto de silêncio antes de todos os jogos das respetivas competições até domingo, em homenagem às vítimas dos incêndios.