O primeiro-ministro, António Costa, apresenta 20 novas equipas de sapadores florestais, amanhã, em Oliveira do Hospital, onde há 10 anos foi criada a primeira Zona de Intervenção Florestal do país.
Acompanhado pelo ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural, Luís Capoulas Santos, António Costa presidirá a uma cerimónia, às 14h30, em que serão entregues 20 viaturas de primeira intervenção para combate a incêndios florestais e diversos equipamentos,tal como informou a Câmara Municipal de Oliveira do Hospital, no distrito de Coimbra.
Na ZIF do Alva e Alvoco, predominam as plantações de pinheiro-bravo, mas também existem extensões significativas de folhosas (medronheiro, carvalho, sobreiro e castanheiro), enquanto o eucalipto ocupa três por cento da Zona de Intervenção.
Associação de proprietários sem fins lucrativos, a Caule gere atualmente 12 destas unidades de exploração florestal, que representam quase 6.300 produtores de seis municípios da região: Oliveira do Hospital, Tábua, Arganil, Penacova, Seia e Santa Comba Dão, nos distritos de Coimbra, Guarda e Viseu.