Totalista na equipa do Valência no empate deste domingo frente ao Barcelona, Gonçalo Guedes está a contas com uma fissura no dedo do pé direito, que vai obrigar a uma intervenção cirúrgica.

A revelação foi feita pelo diretor geral do Valência, Mateu Alemany, no final da partida. «Vai ser operado, senão poderá ser pior. Mais vale que fique agora quatro semanas de fora do que dois meses», explicou, em declarações ao canal Movistar+.

Desta forma, muito provavelmente, o internacional português já não deverá jogar mais em 2017, devendo regressar na partida frente ao Girona, marcada para 7 de janeiro do próximo ano.