A GNR levou a cabo um conjunto de ações de fiscalização nas últimas 12 horas que culminaram na detenção de 64 pessoas em flagrante delito.

Em comunicado enviado às redações, a força refere que metade das pessoas foram detidas por condução sob efeito de álcool, 24 por tráfico de estupefacientes e os restantes por posse ilegal de arma, condução sem habilitação legal e por crime de incêndio florestal.
Foram ainda, apreendidas durante as diligências, mais de mil doses de haxixe, 627 doses de cocaína, bem como armas brancas e armas de fogo.

Desde as 20h de sábado até às 08h de domingo, período em que decorreram as ações de fiscalização, houve 97 acidentes que resultaram num morto, dois feridos graves e mais de 30 feridos leves.

As operações ocorreram em todo o território nacional e tiveram como objetivo “a prevenção e combate à criminalidade violenta, fiscalização rodoviária, entre outras”.