A chuva mais aguardada dos últimos tempos pode significar problemas nas estradas. Por isso mesmo, as autoridades reforçam os conselhos, pedindo prudência aos automobilistas.
Nas respetivas páginas de Facebook, Guarda Nacional Republicana e Polícia de Segurança Pública aconselham os condutores a conduzirem com especial precaução. Assim, e dado o período de chuva, a PSP aconselha a ligar os médios do automóvel, a diminuir a velocidade e a aumentar a distância de segurança. Conselhos a que a GNR também faz referência, aconselhando ainda esta autoridade a que os condutores tenham atenção à formação de lençóis de água. De recordar que entre hoje e o meio da tarde de sábado vão ocorrer períodos de chuva ou aguaceiros que podem ser forte e acompanhados de trovoada e rajadas fortes de vento, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera.
De acordo com a metereologista Maria João Frada, os fenómenos de vento podem ocorrer no litoral a norte do Cabo da Roca durante o dia de hoje, acrescentando existir ainda essa possibilidade, amanhã, um pouco por todo o território, mas mais nas zonas costeiras. A partir de sábado à tarde espera-se uma melhoria com a diminuição da intensidade e frequência dos aguaceiros e o final do dia já sem ocorrência de precipitação. Domingo vai ser um dia sem precipitação com céu pouco nublado ou limpo, descida das temperaturas mínimas e geadas no nordeste Transmontano e Beira Alta. Maria João Frada disse ainda existir uma possibilidade de nova ocorrência de precipitação a norte do sistema montanhoso Montejunto/Estrela entre os próximos dias 07 e 11.