A autarquia da Figueira da Foz adjudicou cerca de 6,5 milhões de euros em três obras de requalificação urbana na zona antiga da cidade, vila de Buarcos e praia do Cabedelo, disse o presidente da Câmara.
João Ataíde adiantou que todas as três intervenções, adjudicadas ontem, na reunião do executivo, foram apresentadas no âmbito do Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano Sustentável, que visam projetos que concorram para a diminuição das emissões de dióxido de carbono, melhoramento significativo de percursos pedonais ou retirada de automóveis dos núcleos urbanos. No caso do centro histórico da Figueira da Foz, a intervenção, orçada em cerca de 2,5 milhões de euros, incide sobre uma área que inclui as ruas Santos Rocha, Bombeiros Voluntários e José da Silva Fonseca, com criação de zonas pedonais e adaptação dos sistemas de águas pluviais naquelas vias.
Em Buarcos, a intervenção, cuja primeira fase está orçada em 1,3 milhões de euros, incide na rua 05 de Outubro, em frente ao Teatro Caras Direitas e jardim Dr. Fernando Traqueia, onde a autarquia quer valorizar o usufruto pelos cidadãos, dando preferência ao peão e condicionando o trânsito automóvel. Na Praia do Cabedelo, a intervenção de 2,64 milhões de euros inclui novos parques de estacionamento e uma nova praça na zona fronteira ao mar, para além de uma nova via de acesso, mais interior que a atual, em terrenos da administração portuária.