Lançado no dérbi da passada quarta-feira, substituindo o lesionado Jardel, Ferro já tem contrato profissional com o Benfica até 2022 (há um ano viu o mesmo estendido por mais uma época) e com condições idênticas às que tinha, por exemplo, Rúben Dias quando saltou da equipa B para a principal, ou seja, com vencimento na ordem dos 90 mil euros brutos anuais, mais bónus por presenças na equipa principal. A cláusula de rescisão já é de €60 M.
O Benfica, todavia, já se prepara para rever essas mesmas condições do vínculo de Ferro, o que significa que em breve este deverá ver melhoradas as contrapartidas financeiras do mesmo e passar a auferir vencimento mais condizente com o novo papel que assumiu no clube da Luz.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here