Goste-se ou não do estilo com que a Seleção Nacional joga, a verdade é que, nos últimos quatro anos, Portugal sofreu apenas duas derrotas em 36 jogos oficiais: Suíça (0-2, em setembro de 2016) e Uruguai (1-2, em junho de 2018).

Fruto, sobretudo, da boa estrutura defensiva, não sofreu golos em 20 desses 36 jogos. E só em sete encaixou mais de um: Arménia (3-2), Hungria (3-3), Suíça (0-2), México (2-2), Espanha (3-3), Uruguai (1-2) e Polónia (3-2). Foram também raros os jogos oficiais em que não marcou. Portugal só ficou em branco em quatro: Áustria (0-0), Suíça (0-2), Chile (0-0) e Itália (0-0).

Se Portugal bater a Polónia, esta terça-feira, em Guimarães, Fernando Santos superará Luiz Felipe Scolari no número de vitórias e no número de pontos em jogos oficiais.

O atual selecionador e o antigo (esteve na seleção entre 2003 e 2008) têm 25 vitórias oficiais, mas o brasileiro tem, para já, mais pontos: 86 contra 84. Porém, Santos conseguiu este percurso em menos jogos. Apenas 36 contra 43 do atual técnico do Palmeiras.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here