Com quatro ponto assegurados ao final de duas rondas na Liga dos Campeões, o FC Porto encontra na visita a Moscovo oportunidade soberana de dar passo decisivo para chegar ao grupo dos 16 melhores pelo terceiro ano consecutivo.

E reconhecendo o elevado impacto que o jogo com o Lokomotiv oferece no plano desportivo e financeiro, também Sérgio Conceição não hesita em recuperar as principais figuras da equipa para o onze, depois de ter sido acionado o plano B na partida com o Vila Real para a Taça de Portugal.

Folgados depois de não terem somado minutos no jogo realizado em Trás-os-Montes, Casillas, Maxi, Alex Telles, Danilo, Brahimi e Marega voltam ao ativo no palco da Champions para uma nova demonstração de força do dragão.