Pela primeira vez, uma prova nacional integra o circuito internacional Salomon Golden Trail Series.

O LOUZAN TRAIL, na Serra da Lousã, foi o evento escolhido pela organização da Salomon Golden National Series para “abrir” a edição deste ano do circuito e ombrear com provas míticas como a Maratón Del Meridiano (2 de Fevereiro, La Frontera-El Hierro, nas Canárias, Espanha), o Trail Cap de Creus (7 de Abril, Costa Brava, Espanha), a Zegama Aizkorri (2 de Junho, País Basco, Espanha) e a Grande final na Sky Pirineu (5 de Outubro, Catalunha, Espanha). Nos dias 26 e 27 de Janeiro, o LOUZAN TRAIL, organizado pelo Montanha Clube Trail Running, dá a conhecer os trilhos outrora calcorreados pelos habitantes da região, a milhares de atletas, numa edição que marcará definitivamente a afirmação do evento no panorama internacional.


Ultra, longo, curto e muito mais

A história destas gentes poderá, pois, ser apreciada em diferentes distâncias, com vários níveis de dificuldade. Do programa fazem parte o LOUZAN TRAIL ULTRA (43 km e 3000 metros de desnível positivo), o LOUZAN TRAIL LONGO (29 km e 2000 metros de desnível positivo), o LOUZAN TRAIL CURTO (16 km e 1260 metros de desnível positivo), mas também uma caminhada (10 km e 500 metros de desnível positivo) e a Corrida dos Rapozinhos. É este o cardápio que vai permitir à organização “proporcionar aos atletas os melhores trilhos, dando-lhes a conhecer a história dos povos serranos. Será claramente o regresso às nossas origens”, promete Ana Sêco.

São muitos os atletas que já aceitaram o convite, elite internacional e nacional incluídas. Entre os nomes mais sonantes, a organização destaca: Anete Svilpe, segunda melhor atleta da Letónia, de acordo com a pontuação da International Trail Running Association (ITRA); Andris Ronimoiss, vencedor do Madeira Island Ultra Trail 2018, e melhor atleta letão, de acordo com o ranking da ITRA; Bruno Coelho, atleta da Selecção Nacional de Trail e vencedor do Azores Trail Run 2018; Luis Duarte, atleta da Selecção Nacional e Trail 2018 e vencedor do Ultra Trail Serra Da Freita 2018; André Rodrigues, melhor português no Campeonato do Mundo de Trail 2018 e vencedor do Trilhos Dos Abutres 2018; Ricardo Silva, vencedor do Ultra Louzan trail 2018; Luis Semedo, vencedor da Taça de Portugal de Trail 2018, Tiago Aires e Olívia Sousa, ambos atletas da Selecção Nacional de Trail em 2017. São ainda convidados da organização nomes incontornáveis como o italiano Rota Donatello ou os portugueses Ester Alves, Romeu Gouveia e Tiago Romão da Equipa Salomon/ Suunto Portugal.