A Espanha está a ponderar avançar para uma candidatura à organização do Europeu de futebol de 2028 ou então do Mundial de 2030, em conjunto com Portugal.
A notícia está a ter grande destaque na imprensa espanhola, que avança que o tema já foi discutido entre Luis Rubiales, presidente da Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF), Pedro Sánchez, líder do Governo espanhol, e Gianni Infantino, presidente da FIFA, numa reunião que teve lugar nesta manhã no Palacio de La Moncloa.
No caso do Mundial, a ideia seria organizar o Campeonato do Mundo de 2030, a solo ou então em conjunto com Porutgal e Marrocos, de acordo com dados avançados pela ‘Cadena Ser’.
A candidatura única é a que reúne menos consenso, devido aos custos envolvidos, pelo que os espanhóis estão mais virados para uma candidatura conjunta com Portugal.
A Real Federação Espanhola de Futebol é a favor desta última opção, que poderia incluir, além de Portugal, também Marrocos, país que já mostrou vontade em receber um Mundial de Futebol.
Se a opção for organizar o Mundial2030, é preciso contar com a concorrência de Paraguai, Argentina e Uruguay, trio de países que já se manifestaram o desejo de organizar, em conjunto a prova maior do futebol mundial a nível de seleções em 2030. Marrocos vai voltar a concorrer mas sozinho.
Espanha já organizou um Mundial, em 1982, ganho pela Itália e Portugal foi o organizador do Europeu de 2004
A FIFA já definiu os organizadores dos próximos campeonatos do Mundo: o Mundial2022 será realizado no Qatar, o de 2026 será organizado pelos Estados Unidos da América, Canadá e México.
Já o Euro 2020 será disputado entre várias cidades europeias. A de 2024 será organizado ou pela Turquia ou pela Alemanha: a decisão final será conhecida a 27 de Setembro.