Dez concelhos dos distritos de Faro, Portalegre, Castelo Branco e Santarém apresentam hoje risco ‘máximo’ de incêndio, segundo informação do Instituto Português do Mar e da Atmosfera, que colocou também em risco ‘muito elevado’ vários concelhos de Beja, Coimbra, Guarda, Viseu, Bragança e Vila Real, além dos já referidos. Os restantes distritos do país apresentam risco ‘elevado’, ‘moderado’ e ‘reduzido’ de incêndio. Entretanto, Portugal continental e o arquipélago da Madeira apresentam hoje risco ‘muito elevado’ de exposição à radiação ultravioleta. No arquipélago dos Açores, Ponta Delgada, Angra do Heroísmo e Horta estão com risco ‘moderado’ e Santa Cruz das Flores está com níveis ‘elevados’. Para as regiões com risco ‘muito elevado’ e ‘elevado’, o Instituto recomenda o uso de óculos de sol com filtro UV, chapéu, ‘t-shirt’, guarda-sol e protetor solar, além de desaconselhar a exposição das crianças ao sol. O IPMA prevê para hoje, no continente, céu pouco nublado, apresentando temporariamente períodos de maior nebulosidade por nuvens altas. A previsão aponta ainda para vento em geral fraco, soprando moderado no litoral oeste a sul do Cabo Carvoeiro, em especial durante a tarde, e nas terras altas e pequena descida da temperatura máxima, em especial no interior.