Contribuir para a prevenção de infeções hospitalares é o objetivo do estudo sobre as condições propícias à colonização e multiplicação de estirpes de bactérias em ambiente hospitalar, que foi desenvolvido na Universidade de Coimbra.
A investigação foi desenvolvida por uma equipa multidisciplinar de profissionais de saúde e de investigadores da Universidade e do Instituto Piaget, liderada por Paula Morais, do Departamento de Ciências da Vida da Faculdade de Ciências e Tecnologia. Foram analisadas, no âmbito da investigação, cerca de duas centenas de amostras recolhidas nos serviços de hematologia, urologia, medicina e transplantes renais dos dois hospitais, tendo sido detetado um número elevado de bactérias em equipamentos e superfícies de zonas húmidas. A diversidade das bactérias detetadas estava relacionada com os utilizadores, mostrando que estes são importantes contribuidores para a comunidade microbiana do espaço.
O estudo, que já foi publicado no Journal of Microbiology, evidenciou ainda que os pontos de distribuição de água e biofilmes formados nas torneiras contribuem para a colonização e multiplicação das comunidades microbianas avaliadas.