O fórum de ministros das Finanças da zona euro elegeu esta segunda-feira, em Bruxelas, Mário Centeno como presidente do Eurogrupo.
Os 19 membros da área do euro escolheram esta tarde o sucessor do holandês Jeroen Dijsselbloem, tendo quatro ministros apresentado na semana passada as suas candidaturas: Mário Centeno, o luxemburguês Pierre Gramegna, o eslovaco Peter Kazimir e a letã Dana Reizniece-Ozola.

O processo de eleição previa a realização de quantas voltas forem necessárias até um dos quatro candidatos alcançar uma maioria simples (ou seja, pelo menos 10 votos entre os 19 membros da área do euro).

Em 20 de Novembro, tanto a sede da Agência Europeia do Medicamento (EMA) — à qual concorria o Porto — como a da Autoridade Bancária Europeia (EBA) acabaram por ser atribuídas a Amesterdão e Paris, respetivamente, por sorteio.