A coordenadora do Bloco de Esquerda esteve na passada sexta-feira em Serpins, Lousã. Catarina Martins visitou os Móveis Carvalho, unidade fabril destruída pelos incêndios de 15 e 16 de Outubro, mas que já está novamente a laborar, fruto dos apoios que recebeu, nomeadamente da Cãmara da Lousã, que cedeu o espaço para a instalação da fábrica. A líder do Bloco falou exatamente dos apoios que, em seu entender, devem chegar rapidamente e a quem mais precisa, para evitar uma ainda maior desertificação do interior do país:


Catarina Martins falou ainda da ligação ferroviária Serpins-Coimbra, revelando que o seu partido vai propor uma alteração ao Orçamento de Estado, para que o comboio regresse ao Ramal Ferroviário da Lousã em 2019:


A reportagem de Tatiana Ribeiro, do Jornal Trevim, em serviço especial para a Mundial FM. Catarina Martins esteve no concelho da Lousã, onde defendeu a recolocação do comboio no Ramal Ferroviário Serpins-Coimbra, em 2019. A coordenadora do Bloco de Esquerda defende ainda rapidez na atribuição de apoios aos lesados pelos incêndios de 15 e 16 de outubro nesta região.