A Câmara Municipal de Fornos de Algodres, no distrito da Guarda, anunciou hoje que vai ajudar os produtores pecuários a ultrapassar as dificuldades com a alimentação dos animais, através do fornecimento de alimentação complementar. A autarquia justifica a medida com a situação de seca extrema que tem impedido o normal desenvolvimento de pastagens e de forragens, com repercussão direta no setor pecuário do município, principalmente na ovinicultura associada à produção de leite e queijo.
Esta situação, acrescenta a autarquia, além de prejuízos graves para os criadores, pode mesmo pôr em causa a manutenção dos respetivos efetivos pecuários, com consequências dramáticas para a economia rural, para o adequado ordenamento do território e consequentemente para a população em geral.