A menos de um ano do final da ligação ao Al Ain (Emirados Árabes Unidos), Caio Lucas, extremo-esquerdo brasileiro de 24 anos, abre as portas a uma possível mudança para o FC Porto.

Com a saída de Brahimi (que termina contrato a 30 de junho de 2019) a ganhar contornos quase irremediáveis, os dragões parecem já ter em carteira um sucessor para o internacional argelino, que em fevereiro completa 29 anos.

A primeira vez que Caio Lucas surgiu associado ao emblema azul e branco foi há um mês, com os relatos desse assédio a serem explicados através do pedido de informações alegadamente feito pela SAD ao empresário do futebolista.

Os portistas pretenderiam saber em que condições seria possível avançar para um negócio. E, o próprio futebolista, em entrevista ontem divulgada pelo site da Gazeta Esportiva (Brasil), confirmou a existência de contactos com os dragões, não escondendo a ilusão de vir jogar para a Europa e, no caso concreto, para o FC Porto. Caio Lucas só não divulgou se essa transferência pode virar realidade a curto prazo, jogando claramente à defesa no momento de abordar o interesse do FC Porto.