O BMG está interessado em investir na Académica. O banco brasileiro tem feito vários contactos com responsáveis da Briosa e admite ter uma relação comercial e empresarial estreita num futuro muito próximo.

Segundo A BOLA, o BMG está disposto a fazer uma injeção imediata de capital no valor de 6,5 milhões de euros, de modo a cobrir o valor total da dívida da SDUQ e tornar-se a médio prazo acionista da Briosa.

Para que isso se torne realidade, no entanto, o modelo societário teria de conhecer uma mudança. Isto é, deixar de ser uma Sociedade Desportiva Unipessoal por Quotas (SDUQ), como acontece atualmente, e transformar-se em Sociedade Anónima Desportiva (SAD), abrindo o seu capital social a privados. Esta alteração só seria possível mediante aprovação dos sócios em Assembleia Geral.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here