O BENFICA
Com zero pontos em quatro jogos, o Benfica está automaticamente fora dois oitavos de final se Basileia ou CSKA pontuarem nas duas partidas que faltam. E fora da Europa se pelo menos uma delas pontuar. Ou seja, as águias têm de vencer estes dois adversários (esta quarta-feira joga em Moscovo) e esperar que o Man. United faça o mesmo. Mas mesmo nesse caso, seria preciso anular a desvantagem de golos (recorde-se que os encarnados perderam 1-2 em casa com o CSKA e 0-5 em Basileia. No cenário de um minicampeonato, perante cenário de igualdade pontual, o Basileia tem um saldo positivo de seis golos, o Benfica um saldo negativo de seis golos e o CSKA está ‘a zeros’. Ou seja, seria preciso quase um milagre para o Benfica continuar na Champions ou até mesmo transitar para a Liga Europa, mas tudo pode acontecer.

O SPORTING
Se empatar (pelo menos) com o Olympiakos, esta quarta-feira, em Alvalade, o Sporting garante desde logo o terceiro lugar e o apuramento para a Liga Europa, já que manteria três pontos de avanço para os gregos e vantagem no confronto direto (vitória por 3-2 em Atenas). Mas os leões ainda têm esperança em chegar aos oitavos de final da Liga dos Campeões. Com menos três pontos do que a Juventus e desvantagem no duelo direto, precisam de fazer quatro ou seis pontos nos dois jogos que faltam, ao passo que a Juventus tem de perder os dois ou empatar um (no caso de o Sporting fazer mais seis pontos). Missão muito difícil, até porque o último jogo dos leões é em Barcelona, restando saber se os catalães já estarão ou não qualificados. Neste momento, até o Barça pode ficar de fora, vendo passar Juventus e Sporting: para isso, o Barcelona teria de perder os dois jogos que faltam e, diante dos leões, em pleno Camp Nou, ver anulados os números da vitória em Alvalade, além de que a Juventus teria de fazer pelo menos mais um ponto com o Olympiakos para não haver minicampeonato a três no desempate, que tramaria a formação portuguesa. Também aqui, tudo é possível ainda, desde o céu dos oitavos ao inferno do adeus à Europa, mas este último cenário só se verificaria se o Olympiakos ganhasse em Alvalade e anulasse o resultado de Atenas.

O FC PORTO
Se o FC Porto ganhar na Turquia, pode ficar automaticamente apurado para os oitavos de final da Champions, no caso de o Leipzig não ganhar no Mónaco. Se os dragões fizeram o mesmo resultado que os alemães, seguram o segundo lugar e continuam a depender de si próprios na última jornada, que será em casa, contra o Mónaco. A equipa de Sérgio Conceição só ficará sob pressão, no terceiro posto, se perder em Istambul, diante do Besiktas, e o Leipzig ganhar no Louis II. Aí teriam de fazer melhor resultado do que o Leipzig na última ronda. Mas o empate, mesmo que o Leipzig ganhe, é suficiente para segurar o FC Porto em lugar de apuramento, já que em caso de igualdade pontual têm vantagem no confronto direto com o vice-campeão da Alemanha. Quanto aos serviços mínimos da Liga Europa, basta o Mónaco não vencer, mas, na atual posição, dificilmente o FC Porto sairá da Europa, embora esse cenário não esteja afastado, até pela vitória por 3-0 no Principado, mas, mais uma vez, tudo pode acontecer.