O presidente da ANAC – Autoridade Nacional da Aviação Civil anunciou que, à semelhança do que vai acontecer no aeroporto Charlles-de-Gaulle, em Paris, a partir de Julho, também Lisboa vai testar um sistema de deteção de drones junto ao aeroporto.
Luís Ribeiro está a ser ouvido no Parlamento, na sequência de um requerimento apresentado pelo PSD sobre as condições de segurança aeronáuticas.
O sistema que já está em funcionamento em França, no aeroporto Paris- Le Bourget, deteta drones a mais de cinco quilómetros e conta com tecnologia de radar, radiofrequência e vídeo de alta definição.
Recorde-se que está em vigor, desde Janeiro, um regulamento que proíbe o voo de drones a mais de 120 metros de altura e nas áreas de aproximação e descolagem de aeroportos e aeródromos.