Quase uma década depois, de novo entre os 16 melhores da Europa, o Liverpool reencontra uma equipa portuguesa e ontem, na antevisão do confronto com os ingleses, Sérgio Conceição, que não pode contar com Felipe, Danilo e, muito provavelmente, Aboubakar, admitiu que para repetir o feito conseguido pelo Benfica em 2005-06, o FC Porto terá que ter “consistência defensiva”: “Não sofrendo golos, estamos sempre mais perto de vencer o jogo.” Porém, contra o Liverpool de Jürgen Klopp, esse não será um objectivo fácil de alcançar.

Com o segundo melhor ataque da Premier League, apenas atrás do imparável Manchester City, o Liverpool tem no trio ofensivo uma das duas principais armas. Com uma baixa de peso no Dragão (Emre Can está castigado), Klopp deverá apostar em Henderson para a posição “6” do 4x3x3, com Oxlade-Chamberlain e Wijnaldum ligeiramente mais adiantados. Na frente estará uma troika que promete ser austera para a defesa portista: Sadio Mané na esquerda, Mohamed Salah na direita e Roberto Firmino no centro.

O encontro da Liga dos Campeões, referente á primeira mão dos oitavos-de-final, realiza-se ás 19:45 no Estádio do Dragão e pode acompanhar através do relato na Mundial FM.