Estão confirmadas 1.568 mortes devido à Covid-19 em Portugal, mais quatro do que ontem. O número de pessoas infetadas é agora de 41.912, mais 266 do que no último boletim da Direção-Geral da Saúde. Há 489 doentes internados, 71 encontram-se em Unidades de Cuidados Intensivos. Até ao momento, 27.205 pessoas conseguiram recuperar, mais 139 desde o último balanço.

Dos novos contágios, 225 registaram-se em Lisboa e Vale do Tejo (que soma um total de 18.977 infetados), o que equivale a cerca de 85% do total.

Na conferência de imprensa da DGS para apresentar estes dados, o secretário de Estado da saúde, António Lacerda Sales referiu que a taxa de mortalidade global no país é de 3,7%, já nos doentes acima dos 70 anos, cifra-se nos 16,6%.

O secretário de Estado da saúde adianta ainda que 3.143 profissionais de saúde infetados com covid-19 já recuperaram da doença:

António Sales disse, ainda, que a Organização da final da Liga dos Campeões em Portugal tem decorrido com normalidade.

O secretário de estado da saúde disse que, à partida, não haverá público nas bancadas nos estádios, isto tendo em conta a atual situação que o país vive:

A diretora-geral da Saúde, Graça Freitas, assegurou na conferência de imprensa que a coerência das medidas de saúde pública tem estado presente e seguiu as práticas internacionais desde o início da pandemia no país:

Já o coordenador do Gabinete Regional de Intervenção para a Supressão da Covid-19 em Lisboa e Vale do Tejo, Rui Portugal, indicou, que a rapidez, a determinação e a coordenação são as principais linhas de apoio para o combate da pandemia na região.

O último balanço da DGS que dá conta da existência de 1.568 mortes e 41.912 casos de Covid-19 em Portugal. Há 489 doentes internados, 71 encontram-se em Unidades de Cuidados Intensivos. O número de casos recuperados subiu de 27.066.

Há 31310 pessoas em vigilância pelas autoridades de saúde e 1498 aguardam resultado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here