Uma empresa de consultadoria forense, contratada pela defesa de Rosa Grilo, suspeita do homicídio do marido, Luís Grilo, encontrou, esta sexta-feira, um novo projétil, na casa de banho da residência onde o casal vivia, avançou a TVI24.

A GNR foi chamada à residência, na localidade de Cachoeiras, Vila Franca de Xira, após a descoberta, tendo agora em sua posse o projétil. A descoberta surge depois de, nas perícias feitas inicialmente, a Polícia Judiciária não ter encontrado nenhum projétil e vai ao encontro da defesa de Rosa Grilo, que alega que foram disparados dois tiros por angolanos.

Já o Ministério Público alega que Luís Grilo foi morto com um único projétil, na casa de banho. Saliente-se que a sentença de Rosa Grilo voltou a ser adiada na quinta-feira, uma vez que a defesa da arguida quer ouvir mais duas testemunhas. A audição ficou marcada para a próxima terça-feira, dia em que estava prevista a leitura da sentença.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here