Bernardo Silva foi eleito pela UEFA para o 11 ideal da qualificação para o Europeu 2020. UEFA divulgou, esta sexta-feita, a composição daquela que considera ter sido a melhor equipa da fase de apuramento para o Campeonato da Europa de 2020.
O médio do Manchester City é o único português a integrar a lista que não conta, por exemplo, com Cristiano Ronaldo, que apontou 11 golos durante a qualificação.
Recorde-se que Portugal qualificou-se para a fase final do Euro 2020 no segundo lugar, com 17 pontos, atrás da Ucrânia, que venceu o grupo com 20 pontos.

A equipa ideal escolhida pela UEFA:

Guarda-redes: Pyatov (Ucrânia), cinco jogos sem sofrer golo
Defesas:
Sergio Ramos (Espanha), quatro golos e cinco jogos sem sofrer golo
Demiral (Turquia), sete jogos sem sofrer golo
Sigurdsson (Islândia), dois golos, cinco jogos sem sofrer golo
Médios:
Kousoulos (Chipre), quatro golos, 50 recuperações de bola
Bernardo Silva (Portugal), três golos, seis assistências
Wijnaldum (Holanda), oito golos, duas assistências
Zahavi (Israel), 11 golos, uma assistência
Avançados:
Sterling (Inglaterra), oito golos, sete assistências
Harry Kane (Inglaterra), 12 golos, cinco assistências
Memphis Depay (Holanda), seis golos, oito assistências

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here